InícioInício  CalendárioCalendário  GaleriaGaleria  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  
Últimos assuntos
» [Parceria] Naruto Survival RPG
por Survival Dom Jun 18, 2017 3:43 pm

» ~REVIVE O FÓRUM ADM GOSTOSÃO~
por Archer Dom Jan 29, 2017 12:28 pm

» [parceria] Pokemon Imperial RPG
por misakichan Sab Dez 31, 2016 10:04 am

» [Parceria] RPG HAJIME NARUTO!
por Melkor Sex Set 23, 2016 4:02 pm

» [Parceria] Naruto SP
por Pawafuro Nara Seg Jun 20, 2016 5:52 pm

» Judeau Sinariel
por Judeau Sinariel Qua Abr 27, 2016 6:22 pm

» No Exit
por Hendrik Kaiser Sab Mar 26, 2016 7:19 pm

» [Parceria] Naruto - Eternal Ninja
por Illumi Seg Mar 14, 2016 12:17 am

» [Ficha] Brahma (EM PROGRESSO)
por Brahma Dom Fev 28, 2016 11:03 pm

» Petter — Template
por Hendrik Kaiser Ter Fev 23, 2016 6:31 pm

» Criação de Técnicas
por Drako Seg Fev 22, 2016 7:40 pm

» Que comece a caçada!
por GM.Dragon Dom Fev 21, 2016 7:48 pm

» Invasão de Aventuras
por GM.Dragon Sab Fev 20, 2016 9:05 am

» Cynthia Malick
por GM.Dragon Sex Fev 19, 2016 9:42 pm

» Cynthia Malick
por GM.Dragon Sex Fev 19, 2016 9:41 pm

Evento
A torre misteriosa



Progresso:
0/50
Boss:
Desc
Criaturas Abatidas:
0
Players Derrotados:
0
Bônus Atual:
50% EXP
Parcerias

















Pokémon RealForce

Pokémon RealForce
Fórum grátis Dragon Dreams


Compartilhe | 
 

 Ironborn [Tutorial]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
ADM.Phelipe

avatar



MensagemAssunto: Ironborn [Tutorial]   Seg Dez 21, 2015 5:00 pm

Ironborn

Aqui ocorrerá a aventura de Alderaan!



Objetivos: Entender melhor o mundo, ganhar fama e fazer contatos importantes.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
ADM.Buggy

avatar



MensagemAssunto: Re: Ironborn [Tutorial]   Qua Dez 23, 2015 4:49 pm

CIVILIZAÇÃO

Há eras que não vejo a luz com tal vigor indescritível. Quando olho para cima, avisto claramente o céu, as nuvens, o sol. Uma visão desde sempre obstruída por árvores e folhas. O chão é duro, seco e fixo. Meus passos não afundam na terra mole, não sinto a umidez das plantas, não há pequenos animais rodeando-me. Há pessoas como eu a minha volta, elas entram e saem de esculturas gigantes, falam umas com outras sem medo de quebrar o silêncio. De onde venho, fazer barulho é um pecado, um tabu. Aqui, tal coisa parece fútil e volátil. Meu mestre mesmo me dizia: "Os tempos estão mudando, e, com eles, os costumes e atitudes." Infelizmente, não estive aqui para presenciar tal mudança. Nunca estive no mundo, verdade seja dita. Agora, sinto algo estranho no ar; um sentimento, ou será um instinto? Não estou mais no meu abrigo de vegetações, estou no mundo real. Isso claramente anuncia uma nova era, uma nova época para minha vida. Desde que nasci, como, bebo, existo. Porém, de hoje em diante, eu viverei.

Pelo menos sei me comunicar. Meu mestre falava comigo, ou melhor sussurrava, ocasionalmente. Ele me ensinou muitas coisas, porém a natureza foi o melhor dos mentores para mim. Uma de suas lições mais valiosas nunca será esquecida por mim: Ser um alfa, ou morrer tentando. É a lei da vida, a seleção natural.

Olharei em volta de mim, respirando este ar tão peculiar. Em meu isolamento, havia algo que me ligava ainda ao mundo real, uma estreita corda que me mantinha em Alberon, um objeto físico, simples ao se olhar. Charuto, como dizia o mensageiro que os trazia daqui. Preciso de um pouco destes, para continuar minha sobrevivência. E todos sabem que apenas os melhores sobrevivem, de um jeito ou de outro. Andarei pelas tão estranhas ruas, em busca de algum lugar que os venda. Logo que encontra-lo, pedirei um pacote de charuto, entregando-lhe a quantia necessária. Nunca entenderei tal mania por notas de papel adornadas. Humanos são, definitivamente, a espécie mais peculiar que há.

Assim que obter minha mercadoria, vagarei pela cidade, em busca de entender mais sobre o estilo de vida deles.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
ADM.Phelipe

avatar



MensagemAssunto: Re: Ironborn [Tutorial]   Qua Dez 23, 2015 9:22 pm

 O sol radiante sombreava Naturia com desenhos de flores e folhas que hora ou outra desapareciam com a obstrução da luz, proveniente das nuvens agitadas no céu límpido. O farfalhar de folhas e cantos de pássaros eram audíveis, preenchendo a lacuna de silêncio deixada pelos habitantes daquela cidade, que embora fosse erguida no interior de uma floresta e emanasse paz, pouco tinha de pacata. Comerciantes anunciavam seus produtos, carroças abriam caminho meante as pessoas que perambulavam pelas ruas, estando essas tarefadas com bolsas ou cestas seguindo seu rumo rapidamente ou simplesmente apreciando mais um dia lindo como aquele.

 Claramente deslocado perante aquela confusão de criaturas e "veículos" sem regras, um ancião de feições severas e longos cabelos grisalhos caminhava com dificuldades em busca de fumo, desviando de carroceiros que com frequência chamavam sua atenção com leves insultos.

 Não demorou tanto assim para Aldeeran ser atraído como abelha ao mel até um pequena casa construída dentro de uma arvore. O estabelecimento era simples, um grande tronco com uma porta e várias janelas, algumas preenchidas com uma fumaça cinza, a porta quatro pedras formavam uma escada, pois a arvore viva já havia desnivelado a casa do chão, mesmo tendo suas raízes parcialmente cortadas. Ao adentrar o recinto vários olhos curiosos filtraram brevemente Aldeeran, enquanto rumava até o balção, uma taboa velha de madeira sobre duas pedras, nada diferentes das que eram usadas de bancos pelo clientes amontados ali. A fumaça neblinava o local, porém não parecia incomodar ninguém, logo o ancião pediu por charutos ao homem baixinho com pouco mais de um metro, da mesma forma como Aldeeran precisou curvar-se um pouco para encarar o anão, ele também precisou levantar o rosto de semblante rabugento para encarar o velho. Uma breve negociação seguiu-se até o animorfo adquirir cinco charutos, ervas envoltas por uma folhas secas, cada um por 2 peças de ouro, totalizando 10.

 De volta as ruas, o senhor aos poucos encontrava seu lugar na multidão, enquanto observava como as coisas funcionavam dentro de uma cidade, vagando aleatoriamente. Já era próximo do meio dia, quando Aldeeran notou de relance um vulto, algo pequeno, entrando pela janela de uma residencia um tanto refinada para os padrões de Naturia, ninguém pareceu notar ou se notaram não deram atenção, ao contrario as residências vizinhas feitas de barro e tendo como teto grandes folhas, está era feita de blocos de pedra e lajotas de barro, com um acabamento mais bonito.

Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
ADM.Buggy

avatar



MensagemAssunto: Re: Ironborn [Tutorial]   Sab Dez 26, 2015 12:20 pm

O tempo estava perfeito, um sol jamais por mim visto radiava toda a cidade, o céu de um azul brilhante e revigorante. Eis algo que nunca soube que faltava em minha vida, emaranhado em meio de tantos galhos e folhas. A agitação reinava naquele lugar, veículos passavam ao meu lado, pessoas falavam, gritavam, insultavam. Uma transição tão brusca de cenário apenas me maravilhava ainda mais, sinto a curiosidade à flor da pele. Sou apenas um pouco mais familiar a esta paisagem que um extraterrestre seria. As peças de ouro, nada além de pequenos círculos amarelos, pareciam ser idolatrados pelos habitantes, como se este tivesse um poder exorbitante. Talvez tenha.

Enquanto analisava o padrão de vida dos habitantes, notei alguém adentrando uma casa diferente, mais bonita que todas as outras. Talvez seja a residência do alfa daquela cidade, e, se eu derrota-lo, poderei pegar seu cargo. Aquele que entrou no edifício, não sei exatamente, talvez seja um mensageiro, ou um mascote, pois o alfa deve ser intimidador, não pequeno e com aparência fraca. Se eu conseguir desafiar e derrotar o alfa, posso tornar-me chefe desta alcateia que chamam de "Naturia".

Baterei em primeiro na porta com uma força considerável, para demonstrar meu poder e intimidar meu futuro adversário. Caso alguém abra a porta, irei perguntar-lhe, o peito estufado e o queixo para cima:

Onde está o chefe daqui?

Se ninguém responder, chutarei a porta com toda minha força, afim de derrubá-la, e entrarei gritando:

UM VERDADEIRO ALFA NÃO SE ESCONDE!

Caso o alfa apareça após meu arrombamento na casa, o desafiarei a uma luta pelo poder de Naturia, examinando-o antes de qualquer movimento. Se ele ainda ficar escondido, irei em direção da janela por onde o vulto entrou, e procurá-lo-ei. Quando o encontrar, agarrá-lo-ei pelo colarinho, sacudindo-o de um lado para o outro, lhe gritando:

ONDE ESTÁ SEU CHEFE? ONDE ESTÁ O ALFA?

OFF:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
ADM.Phelipe

avatar



MensagemAssunto: Re: Ironborn [Tutorial]   Dom Dez 27, 2015 12:34 pm

Alderaan apercebendo-se da diferença entre as residências, acabou por concluir que aquela na qual vira o vulto pertencia ao líder de Naturia, poderia ele estar enganado ? Afinal aquela casa não se encaixava nos padrões da cidade. De qualquer modo, o velho dirigiu-se até a porta da casa e bateu algumas vezes, um som mais alto do que o esperado ecoou, por um instante algumas coisas foram reviradas dentro da residência, passos, por fim um baque surdo retomou o silêncio.

Alderaan aguardou durante alguns minutos, voltou a bater, mas a casa já não demostrava presença alguma. O ancião já aborrecido, arrancou a porta das dobradiças com um chute, fazendo-a desabar a sua frente e gritou:

- UM VERDADEIRO ALFA NÃO SE ESCONDE!

A casa estava impecável mesmo com poeira e a terra vindas da floresta, os móveis todos de mogno pareciam reluzir. O velho que não teve sua resposta começou a procurar pela casa, enchendo o piso  de madeira com pegadas de terra, assim que ele encontrou o cômodo no qual o vulto entrara e entreabriu sua porta, uma criatura de pelagem cinza roçou sua perna ronronando, um gato, Alderaan o agarrou pelo couro do pescoço da mesma forma que as mães dos felinos fazem com seus filhote, o que o fez soltar um miado de indignação.

ONDE ESTÁ SEU CHEFE? ONDE ESTÁ O ALFA? Voltou a gritar Alderaan, sacudindo o gato, obviamente o animal não respondeu, porém um gemido chamou a atenção do velho para a porta entreaberta, um figura estava caída ao lado em uma banheira, o homem terminou de empurrar a porta e percebeu que era um elfo, uma femea, de bruços, seu corpo nú ainda estava molhado e uma toalha prendia jogada ao seu lado, um inchamento era visível na testa da mulher desacordada.

Elfa:
 
obs:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
ADM.Buggy

avatar



MensagemAssunto: Re: Ironborn [Tutorial]   Ter Dez 29, 2015 5:49 pm

Os malditos fracotes nem abriram a porta para mim. Um verdadeiro alfa não se intimida e não tem medo, porém ele não parece estar aqui. Talvez ele esteja ausente de casa. Realmente, eu não pensei nesta possibilidade. O gato deve ser um subordinado, ou uma mera companhia do líder, e a fêmea sua conjugue. Mas aquela fêmea não era normal; ela havia algo de estranho, não saberia dizer. Talvez as orelhas, ou a forma do rosto, ou a cor da pele. Eu não devia ter invadido da residência do alfa sem ele estar aqui, isto seria mera pilhagem, e eu não gosto muito de fazer isto. Quebrei a porta dele, sujei a casa, invadi a propriedade, e... MEU DEUS! Será que matei a mulher?
Nunca foi minha intenção! Não, acho que ela morreu sozinha, talvez se afogou neste pote enorme de água? Não, há uma marca visível em sua testa. Alguém a espancou, e vou cuidar dele. Mas antes, preciso dar as devidas honras funerárias.

Pegarei o corpo e procurarei o jardim da casa. Se não houver nenhum, sairei da casa e procurarei por um pedaço de terra vazia que possa ser cavada. Lá, cavarei com minhas mãos um buraco grande o suficiente para caber todo o cadáver, afim de enterrá-lo. Logo que ele for posto sob a terra, citarei algumas orações que meu mestre um dia me ensinou:

Wuuthrad, moronde tyhroon, ysgramor vla ko rendur.

Não sei exatamente o que elas querem dizer, mas creio que seja parecido com "Que sua alma descanse em paz na terra sagrada". O enterramento será feito do jeito que meu mestre me ensinou, seguindo os cultos nórdicos. Morderei meu dedo, fazendo um corte ligeiro, afim de sangue sair. Esfregá-lo-ei sobre a testa da fêmea, fazendo um traço vertical e um meio círculo. Também não sei o que ele significa, mas o que importa é a intenção. Assim que terminar as cerimônias, irei jogar terra sobre seu cadáver, erguer-me e procurar seu assassino.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
ADM.Phelipe

avatar



MensagemAssunto: Re: Ironborn [Tutorial]   Sab Jan 02, 2016 3:30 pm

 Alderaan aproximou-se do corpo caído da moça desacordada e levantou-a com alguma dificuldade devido a seu peso, grande parte vindo dos seios, a jovem pesava por volta de setenta quilos. O velho passou o braço da moça ao seu redor e segurou-a com uma mão envolta no ombro e outra na chocha. Água escorria pelo cabelo loiro da moça, e seu corpo úmido molhava as roupas de Alderaan, enquanto ele carregava-a até ao lado de fora da casa, seu corpo ainda estava quente devido ao banho, de forma que produzia vapor.

 A casa não possuía um quintal, muito menos um jardim, apenas um pequeno espaço de terra e grama distanciavam a residência da rua, um metro e meio, sem cercado, assim como as residências vizinhas, entretanto para a sorte de alderaan o espaço era suficiente para um corpo. O ancião ainda com a jovem nua em seus braços colocou-a recostada ao batente da porta afim de cavar sua sepultura. Alguns minutos seguiram-se, o velho fazia seu melhor para cavar a terra dura, suas unhas já estavam enegrecidas pela terra e sangue dos leves ferimentos que formavam-se, quando ele finalmente concluiu a cova. Sem muita cerimônia o corpo foi posto sobre o buraco recém cavado, e com um gesto de solidariedade o ancião proferiu algumas palavras em uma linguá por muitos desconhecida, desejando paz ao espirito da elfa. Quando alderaan já estava em seus momentos finais para com o ritual, assim que mordeu a ponta do dedo, uma voz vinda de suas costas indagou com um tom sério:

 - Mas que merda está acontecendo aqui ? O velho virou-se subitamente para ver quem era, um homem alto com orelhas pontudas, outro Elfo, seus longos cabelos negros alcançavam a altura das suas ombreiras de couro. As feições rígidas do homem encaravam-o aguardando uma resposta.

Obs:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kekzy Senpai

avatar



MensagemAssunto: Re: Ironborn [Tutorial]   Sab Jan 02, 2016 10:56 pm

Página 1 ⁞ Post 01 ⁞ Status: Normal



Back to Home. Again.

Já faziam anos. Estava com saudades.

O urso, pojante, e de pelos pardos, saiu da sombra do bosque, finalmente podendo avistar a cidade. Já não parecia mais como da última vez que recordava. Ficou de pé, e logo não passava mais de que um garoto.

É — suspirei — Parece que as coisas mudaram bastante por aqui. Me pergunto quanto. — me escorei na árvore e me dei a observar novamente minha cidade natal.

Abri um sorriso nostálgico.

Então é isso. Basta ir lá. — me espreguicei e comecei a seguir em frente. Rumo a entrada da cidade.

Se me pergunta por que um urso, a resposta é simples. O caminho que percorri foi duro, cheio de salteadores e afins. A melhor coisa a se fazer é se misturar com a natureza e seguir caminho. Você pode não achar, mas a vida é melhor como um urso, por mais que soe estranho.

Me dei a pensar, não poderia recorrer sempre a minha animorfia, precisava de pelo menos um preparo mínimo para alguma situação de aperto. Não é como se eu fosse virar um urso no meio da cidade, chamaria demasiada atenção. Atenção indesejável. Eram tempos difíceis, precisava me preparar contra algumas situações desagradáveis. Um colete estava de bom tamanho.

Procuraria uma loja que me vendesse itens de couro ao chegar na cidade, andaria tranquilo, como faria em um dia normal. Mas observaria a cidade tão bem quanto me era permitido, muito devia ter mudado desde minha partida. Encontrando a loja, a adentraria.

Senhor(a), não teria uma boa peça de couro para proteger-me o dorso? — perguntaria ao vendedor(a). Não faria contato visual, procuraria manter meus olhos olhando as peças a venda enquanto falava.

Tendo uma ao meu dispor apenas pagaria pela mesma, não tinha a ousadia necessária para barganhar, era algo que nunca soube fazer.

A sorte esteja com você — agradeceria e me vestiria com a mesma. Se necessário, pediria ajuda mostrando que não estava conseguindo trajar a peça. Logo depois, sairia do local.

Tanta coisa para ver... — pensei. Andaria por aí, vagando sem rumo pelas ruas, talvez algo interessante me cativasse a atenção.

Talvez.






Off:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
ADM.Buggy

avatar



MensagemAssunto: Re: Ironborn [Tutorial]   Seg Jan 04, 2016 3:41 pm

Agarrei a fêmea e levei-a para a rua, solene. Este enterro seria um que ela nunca esqueceria, e sua alma descansaria em Sovngarde, a terra dos mortos. Ajoelho-me sobre a terra macia, e inicio minha labuta cansativa, porém respeituosa e necessária. Minhas mãos escavam a terra com força e persistência, repetidamente, ignorando os ferimentos e a sujeira que marcam minhas mãos. De onde venho, cicatrizes e ferimentos apenas demonstram o valor e a experiência da pessoa. Sujeira é natural, aliás, não creio que terra possa ser chamada de tal maneira degradante.

Porém meus ritos fúnebres foram interrompidos por alguém. Que profanação! Interromper um momento tão importante e trágico na vida de um ser vivo! Quem ele acha que é! Ainda usar tal palavra agressiva e insultante em um enterramento! Ele parece bravo, mas juro que estou mais! Vou dar uma boa lição nele, ah sim! Me aproximarei dele e iniciarei um esporro bem dado nele, minha voz alta e irada:

Como ousas profanar de tal maneira um enterramento? Esta fêmea morreu em seu próprio banheiro, assassinada por um homem desconhecido, e você ainda a priva de ritos fúnebres? Onde está seu respeito, seu jovem tolo! Quem você acha que é para interromper algo tão importante?

Se ele for embora, resignarei-me e prosseguirei os ritos, finalmente encerrando sua vida no nosso mundo. Mas, se ele insistir, irei lhe perguntar o que ele quer: se ele quiser remover o corpo, lhe direi, enojado e irado:

E o que pretende fazer com ele? Seu sujo nojento!

Se ele quiser participar, continuarei a cerimônia com ele, para depois presenciar a cerimônia de seu culto, antes de enterrar o cadáver sob a terra de Naturia, tão acolhedora e fértil.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
ADM.Phelipe

avatar



MensagemAssunto: Re: Ironborn [Tutorial]   Qua Jan 06, 2016 10:27 am

Alderaan

O homem frente de Aldeeran exalava superioridade, porém não o suficiente para afugentar o ancião, que aproximou-se convicto do mesmo, respondendo-o agressivamente, com aquela maestria adquirida somente por aqueles que chegaram a terceira idade. Aldeeran proferia suas reclamações ao Elfo que continuava displicente, apenas encarando-o, porém no instante em que o velho titulou-o de tolo, sua mão esquerda buscou a espada na lateral da cintura, a lâmina raspou o couro da bainha e logo pendia apontada para o pescoço de Alderaan, os olhos verdes do oponente encaravam-o sobre as sobrancelhas curvas ao dizer:


- Como atreve-se a dirigir-se a mim dessa forma, criatura errante! Ignoraste a sorte que obtivera ? Talvez eu deva coloca-lo de volta no seu lugar insolente! A arma foi levemente empurrada, beliscando a pele do ancião, que indagou com o mesmo tom, questionando o que o Elfo queria.

- Você não está em posição de questionar. Sibilou ele em resposta...

Yarin Starfall

Yarin adentrava a cidade por suas trilhas de terra, não muito diferentes das ruas da cidade, que apenas eram mais largas, como sua primeira meta, o jovem buscava encontrar uma loja de equipamentos, e assim fora feito, é claro após longos minutos de procura perante a movimentada cidade com seu transitar de pessoas e carroças, hora ou outra até alguns animais.

A loja encontra por Yarin não era grande ou luxuosa, aliás nada naquela cidade era, entretanto essa era possuidora de mais simplicidade, tanto para com sua aparência quanto para suas mercadorias, por fora o estabelecimento era uma pequena cúpula de barro e galhos, com janelas protegidas por palha, uma porta torta e uma placa velha com os dizeres: "equipamentos do Velho Alcides", o que de certa forma era estranho, pois a placa poderia ter a mesma idade do seu dono com facilidade. No interior da loja estavam espalhados pequenos manequins de madeira e palha trajando peças desgastadas de armaduras de couro e ferro já alaranjados.

- Senhor, não teria uma boa peça de couro para proteger-me o dorso? Perguntou o jovem a pessoa sentada atrás do balcão, sem olhá-lo diretamente, ao invés disso, continuava a observar as peças surradas, apercebendo-se que muitos dos artigos no caminho da porta estavam jogadores pelo chão.

O vendedor respondeu com uma voz rouca e fraca, após tossir: - Tenho algo que lhe deve servir. Ele revirou coisas atrás do balcão e levantou uma armadura de couro com o tamanho exato do jovem. - Presumo que essa vai servi-lo bem, foi a última criação do meu irmão antes... Um silêncio momentâneo surgiu, restando a Yarin somente pegar a armadura e entregar as moedas de ouro ao vendedor com um agradecimento, um homem velho e magro com olhar distante pedido em seu semblante triste.

- Que Alberon te ousa meu jovem, se os impostos continuarem a subir como estão, logo não conseguirei nem comer.

O Starfall que não era possuidor de muita inteligência precisou da ajuda do vendedor para colocar sua nova armadura, ao contrario de Yarin, o velho estava aberto a uma prosa pois continuava a falar: - Bem, sou tão velho que conheço boa parte dos moradores da cidade, mas você não me é familiar, então para firmar essa que pode ser uma parceria que tal levar essas braçadeiras de brinde? Não foi realmente uma pergunta, o senhor já estava vestindo o jovem com a peça, antes que pudesse respondê-lo.

Ao deixar a loja, uma confusão era visível um pouco a frente na mesma rua da loja, algumas pessoas corajosas paravam para curiar, os inteligentes fechavam as janelas ou fingiam-se de cegos ao transitar. Um Elfo levantava sua espada para um idoso, está apontada a seu pescoço, ele parecia irritado, já era a segunda vez que Yarin ouvia-o gritar: - Só responda-me que merda você está fazendo na minha área, que fui obrigado a parar com meus afazeres! Talvez eu apenas deva decapitá-lo e voltar a recolher os impostos.

Equipamentos - Kek:
 



Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Ironborn [Tutorial]   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Ironborn [Tutorial]
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [Tutorial][PT1] Criar um site - Layout
» [TUTORIAL] Como corrigir alguns erros da Hero Egnine
» [Tutorial] Como por novas armas no xas hero 3.91
» [Tutorial]Como Tirar o Erro: Script In Haging 4 Metodos[Tutorial]
» Tutorial Blender 3D - Modelando Terrenos.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Reino da Magia :: MUNDO :: Naturia :: Aventuras-
Ir para: